quarta-feira, 22 de junho de 2011

Das diferenças

Não me fazem confusão nenhuma os relacionamentos em que existe diferença de idade entre o casal.
Com exceção para alguns casos em que se vê que e por conveniencia, na maioria deles eu acredito que haja Amor.
Por exemplo, no caso do José Raposo e Sara Barradas eu acho que existe amor. Penso que nenhum deles tinha necessidade de assumir a relação se não houvesse.
E perfeitamente natural que duas pessoas que convivem diariamente e tem gostos em comum se apaixonem, mesmo que exista uma diferença de idade entre elas.
O que me faz confusão e quando essas pessoas não tem afinidades nenhumas. Não tem os mesmos gostos, os temas de conversa nunca coincidem, os meios onde estão envolvidos são completamente diferentes, enfim, quando não existe qualquer tipo de afinidade.
Isto vem a propósito de um casal de uma novela que esta a dar na SIC, Laços de Sangue (eu sei que tinha deixado de ver novelas, mas gosto de espreitar esta!).
Ele e um advogado e ela uma vendedora do mercado. Ate aqui nada contra, só que ela não e uma pessoa discreta, muito pelo contrario: e espalhafatosa, fala alto, não tem maneiras, etc... E acha que esta muito bem assim!
Eu sei que isto e ficção, mas acredito que na realidade também existam casos idênticos.
Na minha opinião, este tipo de relação esta condenada a partida. Nem que tivessem a mesma idade funcionava.
E vocês, o que acham?

1 comentário:

  1. O meu primeiro grande Amor tinha 14 anos a mais que eu... nunca pensei em tal coisa, mas aconteceu muito naturalmente e durou 7 anos... não me arrependo nem um minuto de tudo o que vivi e aprendi... apesar de ter sido eu a pôr um ponto final na relação, mas isso é outra história lol... o Amor não escolhe idades... e se Eu o Amei... com toda a minha força!!! Beijocas

    ResponderEliminar