quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Da saúde

De facto, o bem mais precioso que nós temos é a saúde. E geralmente só lhe damos o devido valor quando algo não está bem.
Desde o inicio do ano, contam-se pelos dedos os dias em que andei bem, e muitos deles foi sob o efeito de medicação.
Basicamente deixei de ser eu: no trabalho estive quase sempre a meio gaz, em casa não fazia nada (e tenho que agradecer à minha irmã que tem sido o pilar cá de casa), só saía quando tinha mesmo de ser, não me apetecia estar com os amigos, basicamente isto transformou-me em outra pessoa.
Como sou teimosa e hospitais não é comigo, deixei andar até não poder mais.
Agora, depois de medicada e a ver melhoras, é que tenho noção que devia ter atuado mais cedo.
Mas os erros servem para isso mesmo, para aprendermos com eles. E eu aprendi. A partir de agora, vou cuidar mais de mim.
Aproveito para agradecer aos que se preocuparam, e prometer que em breve retomaremos o ritmo habitual de publicação :)

1 comentário:

  1. Espero que já estejas melhor e que daqui para a frente, o ano te traga muita mais saúde.

    ResponderEliminar