quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Cloud Atlas

A menina quer muito ver...

Árvore de Natal da Blogosfera

Eu já estou inscrita, e vocês?
Têm até 2 de dezembro para participar. Olhem que vale mesmo a pena, os prémios são muitos e fantásticos.
Mais informações aqui.

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

I'm alive

Desculpem lá a falta de notícias, mas recuperar de uma gastroenterite não é nada fácil.
Isso aliado ao trabalho que ficou atrasado devido ao tempo que estive doente, resultou num completo abandono do blog.
Amanhã retomaremos o ritmo habitual.

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Como perder 3kg em 2 dias

Apanhar uma gastroenterite.
Um domingo passado entre a cama e a casa de banho, por culpa deste maldito vírus que começou no Gustavo e já nos apanhou a todos.
Ainda não estou a 100%, mas já estou melhor.

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Magalhães

A criança cá de casa tem um magalhães. Nunca foi muito de jogos, utilizando-o mais para ver vídeos dos seus desenhos animados preferidos.
De há uns tempos para cá descobriu o maravilhoso mundo das pesquisas google e passa horas a pesquisar imagens e caracteristicas de Pontes Romanas!!!!
Podia dar-lhe para pior, não podia???

domingo, 18 de novembro de 2012

Os meus Filmes #59

Extremamente alto incrivelmente perto
Isto tem andado muito parado em termos de filmes.
Este ano tenho lido muito mais, vi algumas séries de seguida e isso tem-me roubado tempo para os filmes.
Tenho que arranjar aqui uma solução de compromisso que me permita ter tempo para as leituras e para os filmes e séries.
Ontem optei por ver este, que estava em lista de espera desde os Óscares. Lembro-me que na altura ele teve muitas criticas negativas e muita gente não percebeu o porquê da sua nomeação.
Eu acho que foi merecida. Não é um filme cheio de efeitos especiais, mas também não é mais um filme sobre o 11 de Setembro, como li em algum lado.
Retrata esses acontecimentos, mas de uma forma profunda, que consegue tocar-nos. Teorias da conspiração à parte, estes acontecimentos afectaram directamente milhares de pessoas, e lidar com isso não deve ser nada fácil.
É um filme forte, "não é para meninos", mas, na minha opinião, está muito bem feito.
O garoto então, tem um papel fantástico.

 
 


Ficha Técnica
Título Original: Extremely Loud and Incredibly Close
Ano: 2011
País: EUA
Género: Drama 
Realização: Stephen Daldry
Sinopse: Oskar Schell, de 11 anos, é uma criança excepcional: inventor amador, francófilo, pacifista. Depois de encontrar uma misteriosa chave que pertencia ao seu pai, que morreu no 11 de Setembro no Wall Trade Center, ele embarca numa excepcional viagem – uma urgente e secreta pesquisa através dos cinco distritos de Nova Iorque. Enquanto vagueia pela cidade, Oskar encontra uma grande variedade de diferentes pessoas, cada uma sobrevivente no seu próprio modo.

sábado, 17 de novembro de 2012

Momento Musical

Já vos disse que gosto muito de música brasileira, não já?

Do Natal

Estou fartinha de ouvir as pessoas a queixarem-se de que este Natal vai ser triste porque não há dinheiro.
Nos últimos anos temos assistido a um consumismo desenfreado nesta época, consumismo esse que levou a que se esquecesse o verdadeiro significado desta quadra.
O Natal é estarmos com quem mais gostamos. É celebrar o amor, a família e a amizade. Mesmo que não haja dinheiro para grandes prendas, podemos sempre fazer qualquer coisas "homemade". Ou então dar um simples abraço que às vezes faz tanta falta.
Não vamos é usar a crise como desculpa para não viver em pleno esta época.

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Enxaquecas

Nos últimos meses tenho sido atacada pelas malditas enxaquecas.
Eu sempre fui uma pessoa com pouca tolerância à dor, mas recorria a analgésicos e conseguia fazer a minha vida normal. Isto até aparecerem estas meninas.
Mesmo com analgésicos, a dor permanece. É forte, fico com a visão turva e não consigo fazer nada.
Fico no quarto com tudo escuro até que ela decida ir-se embora.
Há por aí mais alguém com este problema? Conhecem algum remédio que faça efeito?
Eu e a minha cabecinha agradecemos :)

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Da greve

Bem sei que foi ontem e se calhar já venho um bocadinho tarde, mas mesmo assim vou dar a minha opinião.
Eu sou contra as greves. Compreendo que as pessoas têm de lutar pelos seus direitos, mas não acho que seja com um dia que dá ao país milhões de euros de prejuizo que as coisas se vão resolver.
Apesar de ter esta opinião, respeito quem faz. Acho que cada um pode ter a sua.
Não posso é concordar com a pressão que os piquetes de greve fazem sobre quem quer trabalhar. Existe uma coisa que se chama LIBERDADE e, se eles são livres para escolher fazer greve, os outros também são livres (ou deveriam ser) para escolher não fazer.
Também sou contra a violência e destruição gratuitas. O que se passou ontem em vários locais do país foi uma vergonha. E arrisco mesmo a dizer que, os responsáveis por aqueles actos são os chamados parasitas da sociedade, que em nada contribuem para o desenvolvimento da mesma.
Ao contrário das greves, sou a favor das manifestações (desde que pacificas). Feitas ao fim de semana e bem organizadas, penso que são uma boa forma de fazer chegar a mensagem. E isso viu-se em setembro.
E vocês, fizeram greve?

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Culinárias

Depois do doce de tomate, decidi fazer marmelada.
Modéstia à parte, tenho a dizer-vos que ficou deliciosa.

 
Esqueci-me de tirar fotos na altura e já só tinha esta taça (só fiz 4 iguais a estas e dei as restantes).

domingo, 11 de novembro de 2012

Domingo em Fotos


 












Decorações de Natal

Conforme prometido, ficam as fotos das nossas decorações de Natal.
O presépio ainda não está terminado. Não vamos usar musgo e estamos a fazer tudo com papel crepe e caixas forradas (está a minha irmã, porque eu não tenho muito jeito para trabalhos manuais).
Quando estiver coloco uma foto dele.

Das pequenas (e maravilhosas) coisas da vida

Sábado à tarde, chuva lá fora, lareira, bolo e chocolate quente cá dentro:

Das séries

Ontem terminei "Downton Abbey", mas já tenho "Um Mundo sem Fim" à espera.
Tal como fiz com "Os Pilares da Terra", vou ler os livros primeiro.

Há por aí alguém que já tenha visto?

sábado, 10 de novembro de 2012

Programa de sábado à noite

Ver os dois últimos episódios da terceira temporada de Downton Abbey.
Já estou ansiosa pela nova temporada.

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Ainda do post anterior

Eu já fui ao cabeleireiro todas as semanas, agora vou quando preciso de cortar o cabelo. Arranjo as unhas, estico o cabelo e faço a depilação em casa. Não é por isso não ando arranjada, muito pelo contrário.
Houve uma altura em que comprava imensos livros. Este ano penso que só comprei um ou dois. E, por incrível que pareça, está a ser o ano em que li mais. A biblioteca é sempre uma boa opção.
Também já passei por uma fase em que saía bastante à noite. Agora saio raramente e sabem que mais, adoro estar em casa. Gosto mesmo das noites de sexta e sábado passadas a ler, a ver filmes / séries ou até a conviver com amigos.
O ano passado e este ano não fiz férias fora, mas não fui por isso que deixei de gozar.
Não compro roupa com a frequência que comprava, tenho a suficiente e até doei bastante. Não vou atrás de modas (nunca fui), tenho o meu estilo e sou-lhe fiel.
Estou muito mais organizada em termos domésticos, planeio menus e não há desperdício de comida.

E é isto, a crise também me apanhou e cada vez mais penso muito bem antes de fazer uma compra (mesmo que tenha dinheiro disponível para ela).
O mais curioso no meio disto tudo, é que só sinto falta de viajar. O cabeleireiro, as saídas e os livros não me fazem falta nenhuma (os livros continuo a ter, só não os compro).
E sim, sou muito feliz assim. Penso que descobri o prazer das pequenas coisas.

Desculpem lá...

... mas eu também tenho que falar aqui das declarações da Isabel Jonet.
Sinceramente não percebo qual o porquê de tanto alarido. Até concordo que a sr.ª podia ter sido um bocadinho mais "politicamente correta", mas no fundo, tudo o que ela disse é verdade.
Nós estamos habituados a viver de uma determinada forma, mas, havendo menos dinheiros, vamos ter que nos adaptar à nova realidade.
Claro que todos gostamos de viajar, comprar roupa nova, ir a concertos, etc... mas não havendo disponibilidade financeira para isso, vamos ter que mudar os nossos hábitos.
Quem sabe assim não começamos a dar mais valor às pequenas coisas!

Natal

Só para que fique o registo, ontem fizémos a árvore de Natal.
Tinhamos trazido as coisas da garagem e o Gustavo, aproveitando o facto de não ter trabalhos de casa, pediu para a fazermos ontem.
Eu nem andava com grande espirito de Natal, mas vê-lo tão entusiasmado com a árvore contagiou-me.
Agora falta o resto da decoração natalicia, que ficará para o fim de semana.
Quando estiver meto fotos.

Sexta-Feira

Hoje custou-me imenso acordar.
Geralmente acordo um pouco mais cedo e fico na "ronha" até à hora de me levantar. Hoje acordei em cima da hora e com uma dor de cabeça terrível.
O mais estranho é que ontem deitei-me à mesma hora. Deve ser mesmo o cansaço acumulado.

Tenham uma boa sexta-feira e um excelente fim de semana :)

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Today...

... was a good day :)

Momento Musical

Este não é o meu género de música preferido, mas gosto muito desta:

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Das boas notícias


Barack Obama reeleito presidente dos EUA.

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Virus dos electrodomésticos

Ontem avariou a torradeira, hoje foi a vez da máquina de lavar.
Espero que se fique por aqui.

Do dia de ontem

Ontem não foi um dia fácil.
Logo de manhã estragou-se a torradeira. Já vos disse que adoro pão torrado ao pequeno almoço, não já? Pois....
Entretanto tive que ir a Aveiro. Vi que tinha o carro na reserva, mas achei que dava para chegar lá e meter no Jumbo (sempre é uns centimos mais barata). Mas não deu!
Esta mania de poupança fez-me ficar a pé e andar 4 kms em cima de saltos para ir buscar gasolina.
Há lá melhor maneira de começar a semana?

sexta-feira, 2 de novembro de 2012

El Corte Inglés

Este ano comprámos a mochila do Gustavo no Corte Ingles em Gaia.
Não foi própriamente barata, mas, como a do ano passado não tinha sido grande coisa, optámos por esta, pensando que daria para os anos seguintes.
Enganámo-nos redondamente. Com cerca de um mês e meio de uso, começou a largar os fechos, o plástico de dentro a sair e a descoser-se.
Ontem fomos lá reclamar e fiquei surpreendida com o serviço. A funcionária foi super atenciosa e disponibilizou-se logo para nos dar o dinheiro ou uma mochila nova. Como tinhamos que comprar outra, optámos por escolher lá outro modelo (que nos pareceu mais resistente). Esta foi ainda mais barata (vantagens de comprar fora de época) e deram-nos um vale com o restante dinheiro.

Como podem ver, nem só de criticas negativas vive este blog. Os bons serviços devem ser divulgados.