domingo, 23 de dezembro de 2012

Das boas notícias

Lembram-se deste post?
Eu fui ser dadora numa recolha organizada aqui perto, para o sobrinho de uma amiga.
Na sexta-feira recebemos a melhor prenda de Natal: ele conseguiu arranjar um dador compativel.
Sabemos que ainda tem um longo caminho pela frente, mas o primeiro passo para a cura está dado. Agora é acreditar que vai conseguir vencer esta maldita doença.
Mais uma vez deixo o apelo: tornem-se dadores de medula. Não custa nada e podem salvar uma vida.

Sem comentários:

Enviar um comentário